Obra Transparente é premiado na 7ª edição do Prêmio República

14 de junho de 2019 16:18

O projeto Obra Transparente, parceria entre a Transparência Brasil e o Observatório Social do Brasil (OSB), foi premiado com o 2º lugar na categoria responsabilidade social do VII Prêmio República. O prêmio, promovido pela Associação Nacional dos Procuradores da República reTconhece e dá visibilidade aos entes que se dedicam à promoção da justiça e da democracia.

O Obra Transparente capacitou membros de Observatórios Sociais de 21 municípios, entre os quais está Ponta Grossa, para o monitoramento de editais, contratos e execução de obras de creches e escolas financiadas pelo governo federal em suas cidades. Em Ponta Grossa, foram 11 obras monitoradas, das quais 2 foram canceladas antes do início do projeto, 6 foram canceladas e houve devolução de verba, duas estão paralisadas e apenas uma foi concluída.

Manoel Galdino, diretor-executivo da Transparência Brasil, recebeu o prêmio no evento de premiação em Brasília. Em seu discurso, agradeceu o excelente trabalho da gerente a frente desse projeto, Bianca Vaz Mondo, e a parceria com OSB e a rede de Observatórios que viabilizou o projeto.

O projeto Obra Transparente

A iniciativa ofereceu treinamento e assessoria técnica no monitoramento das obras de escolas e creches para os membros de 21 Observatórios Sociais. Essas organizações reúnem membros da sociedade civil que voluntariamente se dedicam a contribuir com a melhoria da gestão pública.

As obras de escolas e creches no Brasil sofrem quase sempre com atrasos e paralisações, fazendo com que bilhões de reais investidos por meio do programa de infraestrutura escolar sejam desperdiçados.

Para atacar esse problema, o projeto traçou uma série de ações que envolveu a capacitação técnica dos membros dos Observatórios Sociais para monitorar editais, contratos e o andamento de obras (publicaremos em breve o material dos cursos). A partir dessa formação, foram acompanhadas 135 obras em 21 municípios do país. Esse acompanhamento contou com o apoio de uma Câmara Técnica, composta por profissionais da área do direito e de engenharia, que ofereceram suporte técnico e analítico aos participantes. A partir desta experiência, será possível expandir o foco do projeto para outros tipos de obras.

Como forma de pressionar o governo federal e municipal a melhorar os processos de construção de obras e escolas os resultados foram apresentados ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Câmara dos Deputados, Senado Federal e divulgados junto à mídia.

Como parte das atividades, aconteceu, na última terça-feira (11), no ESPM Tech, em São Paulo, o evento “Repasses federais em educação: transparência e controle social em municípios”, no qual foram apresentados os resultados do projeto aos representantes dos Observatórios participantes, das Prefeituras e também para a comunidade.

Vencedores do VII Prêmio República: http://bit.ly/2PGCLdX

Com informações de Transparência Brasil

Mantenedores

ObservatórioSocial do Brasil - Campos Gerais


CEP:
Telefone:
E-mail: